Duas Testemunhas Do Apocalipse: O Testemunho que darão

Como aconteceu na reedificação do templo assim será a obra das duas testemunhas em seu Senhor. Elas lançarão novamente o fundamento do templo, que é Jesus Cristo. As testemunhas O colocarão como fundamento e primícias de todas as coisas no meio do povo de Deus.
Pois deste fundamento é dito literalmente:

“Porque ninguém pode lançar outro fundamento, além do que foi posto, o qual é Jesus Cristo.” 1Co 3:11

Atraindo toda a Igreja a se estabelecer, invocar e confiar somente no Senhor Jesus. Desfazendo assim todo misticismo que hoje impera em muitas partes do Corpo do Senhor na terra. Invenções de homens com a consciência contaminada pelas suas próprias vaidades. Verdadeiro pop stars espirituais, que não são outra coisa senão enganadores e corruptores do Corpo Santo daquele que ressuscitou ao terceiro dia e vive pelos séculos dos séculos, o qual lhes cobrará pessoalmente todo dano causado à Sua Esposa amada: A igreja.

Quem são a duas testemunhas do Apocalipse?

“Prossegui e lhe perguntei: que são as duas oliveiras à direita e à esquerda do candelabro? Tornando a falar-lhe, perguntei: que são aqueles dois raminhos de oliveira que estão junto aos dois tubos de ouro, que vertem de si azeite dourado? Ele me respondeu: Não sabes que é isto? Eu disse: não, meu senhor. Então, ele disse: São os dois ungidos, que assistem junto ao Senhor de toda a terra.” Zacarias 4:11-14

“Darei às minhas duas testemunhas que profetizem por mil duzentos e sessenta dias, vestidas de pano de saco. São estas as duas oliveiras e os dois candeeiros que se acham em pé diante do Senhor da terra.” Apocalipse 11:3-4

Também Ciro e Dario são sombras das duas…

Vaidade: Insaciável corrupção

A vaidade é um cativeiro de corrupção. E só aquele em quem não há corrupção pode nos libertar, pelo Seu amor.
“Pois a criação está sujeita à vaidade, não voluntariamente, mas por causa daquele que a sujeitou, na esperança de que a própria criação será redimida do cativeiro da corrupção, para a liberdade da glória dos filhos de Deus.” Rm 8:20-21

Vaidade: Viver para si mesmo

A vaidade é rastejar sobre o próprio ventre. Porque o nosso umbigo vira o centro do mundo e todas as demais coisas passam a girar em torno dele.
Foi este o pecado da serpente, de satanás, que quis se assentar no trono de Deus e, depois corromper o homem.
“Então, o SENHOR Deus disse à serpente: Visto que isso fizeste, maldita és entre todos os animais domésticos e o és entre todos os animais selváticos; rastejarás sobre o teu ventre e comerás pó todos os dias da tua vida.” Gênesis 3:14
Este é o salário para todo aquele que faz de si um fim em si mesmo.

1 2 3 4